domingo, 18 de maio de 2008

E ainda acredito em histórias maravilhosas

Já me disseram que sou como um personagem de um conto fantástico, a protagonista que nunca desiste de sonhar e de tentar. Este é um papel que gosto de interpretar, acredito naquele momento incrível onde a história dá uma guinada e tudo muda. Por mais que sofra sempre acredito que cada vez será diferente. Só que ando não me entusiasmando mais, pode ser maturidade, mas também pode ser que cansa tentar fazer tudo ser maravilhoso.

Um comentário:

CÓLICA-*dói mas é preciso sentir pra conhecer* disse...

adoooramos o seu blog juh!!

você faz facu de letras ,minako??

beijos*))