terça-feira, 18 de janeiro de 2011

Economizando a sua energia!

Desviei este post do Blog do Hari Om, porque achei pertinente ao conteúdo do blog e porque eu estava preparando um texto neste estilo.


1. Fale na dose certa: para que a energia não se disperse por aí, tente dosar o quanto fala e o quanto ouve. Sintetizar suas histórias ajuda a não cansar a si mesmo e aos outros.

2. Saiba escutar: saiba diferenciar saber ouvir de tornar-se depósito de queixas alheias. Escute com atenção, mas reserve suas forças para dar apoio e estímulo para que a pessoa resolva o seu problema ao invés de tornar-se vítima dele.


3. Aceite a si mesmo: voce não precisa provar o tempo todo que é bom, bonito, inteligente, sensual, sensível, etc… Isso requer muito esforço e dificulta a vida. Relaxe e aceite as suas imperfeições sem levá-las tão a sério. A medida que aceitar-se imperfeito, terá capacidade de aceitar as imperfeições das outras pessoas.

4. Estabeleça prioridades: marcar compromissos demais e não conseguir cumpri-los gera muita angústia. Separe o que é imprescindível que voce faça hoje e o que se não der tempo, pode ser deixado para amanhã. Deixe algum tempo livre para os imprevistos e para atividades que lhe deem prazer. Reserve um pequeno intervalo para não fazer nada (meditar).

5. Faça as suas vontades: pautar uma vida somente considerando as expectativas alheias gera frustração e cansaço. Troque o “eu tenho que” pelo “eu quero”, sempre que possivel. Esse exercício pode ser um pouco dificil no começo, mas persistindo voce poderá perceber quantas coisas voce faz por vontade própria. Isso revitaliza.

6. Respeite os limites do seu corpo: se isso não acontece, é esgotamento na certa. Preste atenção aos sinais que seu corpo envia do que está necessitando. Os sinais são mensagens do seu “Eu Superior” para que voce preserve e cuide do seu bem estar e saúde. As vezes o corpo pede uma pausa, as vezes um alongamento ou massagem, etc… Quando voce respeita essas vontades, aumenta a sua energia vital.

7. Evite explosões: manifestações de raiva, inveja, ciúmes, drenam sua energia vital rapidamente. No momento da explosão, pode parecer que há alívio, mas, na verdade essas manifestações exaurem. Quando tiver esses sentimentos, primeiro fique em silencio e preste atenção em sua respiração, lembre-se que tudo tem os dois lados, voce não é vitima de nada, é no mínimo co-autor dos acontecimentos da sua vida. Procure perceber o que voce pode aprender para o seu engrandecimento da sua alma. Tudo na calma pode ser resolvido.

8. Desligue o turbilhão da mente: pensar demais faz muito mal e não resolve nada, ao contrário, apenas tira a clareza e o poder de decisão. Reserve um pequeno período pela manhã ou a noite para parar de pensar. Sente-se confortavelmente, feche as janelas dos olhos, leve sua atenção para o seu coração e fique observando o rítmo do seu coração e da sua respiração. Quando um pensamento chegar, simplesmente deixe-o passar sem se apegar a ele. Fique um pouco com voce, sem cobranças, sem obrigações. Voce sentirá tranquilidade interior.

Por Yara Neida Lorenzetti 

2 comentários:

Leca disse...

Isso precisa virar um mantra, sabia? Vou imprimir e deixar na minha mesa, achei muito útil. :)

Um beijo, querida!

www.lecamarriot.com

thais disse...

ameeeeeeeeeeeeeeei